Projeto Perfor.mãe.ser realiza encontro online SOMA, sobre maternidade e teatro, e apresenta vídeo-arte nesta quarta (16) e sexta (18)

Spread the love

Com roda de conversa após apresentação, a ação é voltada às mulheres e ocorre por meio do aplicativo Zoom, nos dois dias às 20h, com inscrições gratuitas por meio de formulário online

Artes cênicas e maternidade. Nesta quarta (16) e sexta-feira (18), o projeto Perfor.mãe.ser,  Pesquisa de um Antimonólogo em Curso realiza o SOMA, um encontro online sobre maternidade e teatro, e apresenta vídeo-arte com registro do processo da pesquisa, onde mulheres artistas conversam sobre o tema da performance da maternidade nos tempos atuais e nas artes. Nos dois dias, a ação ocorre às 20h, por meio do aplicativo Zoom, com inscrições gratuitas pelo formulário online https://forms.gle/C1jHXfp7dMBnXFjX9 – após a inscrição será disponibilizado o link de acesso da apresentação e da roda de conversa, ação que acontece na sequência, sobre o processo criativo da pesquisa do Antimonólogo. O encontro é voltado às mulheres, com classificação etária acima de 14 anos.

O projeto Perfor.mãe.ser trata-se de uma investigação onde a pesquisadora, produtora cultural, atriz, cantora, educadora, mãe, e, proponente do projeto, Joanna Oliari Macoppi, gestou com outras nove mulheres profissionais o fundamento do objeto artístico que carrega um jeito particular de pensar teatro, um Antimonólogo; um único corpo que carrega dez vozes e olhares femininos, tendo como metodologia o processo colaborativo. A Perfor.mãe.ser nomeia a performance do ser mãe, evidenciando o trânsito da exaustão à criatividade. O coletivo fala do esgotamento pessoal à criação artística, do renovar-se para (re) existir.

Confira a entrevista com Joanna Oliari Macoppi:

- Como surgiu a ideia do projeto?
“Surgiu logo após o parto da minha filha. Um parto violento e com muito desrespeito. De lá pra cá a cabeça não parava de sentir a necessidade de transformar a dor em arte. Minha filha nasceu em 2015, junto com ela nasceu a mãe em mim. E essa mãe se viu sozinha. Mas, percebeu que o que tinha pra contar era algo tão pessoal quanto político. Neste projeto, pensamos em contemplar duas mesorregiões, no dia 16, Jaraguá do Sul e Norte do Estado; e, no dia 18, Blumenau e Vale do Itajaí, mas como a ação é online acabará contemplando interessadas no tema em toda Santa Catarina”.


- Como foi a produção do vídeo-arte?
“O projeto é no formato de pesquisa. Nove mulheres e eu nos encontramos coletivamente e individualmente para pesquisarmos juntas sobre o tema performance da maternidade, cada qual dentro de sua especificidade no intuito de levantar materiais pré-cênicos. Essa primeira ação se desdobra na sua mostra intitulada SOMA, onde apresentarei para as mulheres, mães da comunidade, via Zoom, o vídeo-arte com este processo seguido de uma roda de conversa. Também com o desejo de partilhar e coletar informações que vibrem com uma futura montagem de um espetáculo teatral. Importante lembrar que cada uma das mulheres traz consigo a força cultural presente em si, com o intuito de ampliar o pensamento político-social-artístico, abrindo espaço para estes pensamentos e vozes ecoarem nos processos de pesquisa à criação artística”.


- Como foram os encontros?
“Cada presença uma memória, um jogo, uma proposta, um sentir. A singularidade num projeto coletivo cativa pela valoração de cada potência. As pesquisadoras têm sido tão provocadas quanto eu. A mãe é um tema do inconsciente coletivo, não há quem não tenha uma história com sua mãe. Os encontros têm sido uma surpresa pra mim e para as pesquisadoras. Fomos desarmadas. E por fim, corajosas. Ninguém aqui está a fim de montar um grande cabeça tentando entender ou explicar a maternidade, mas sim de estarmos atentas aos jogos que a performance oferece”.

O projeto
Perfor.mãe.ser, Pesquisa de um Antimonólogo em Curso, é premiado pelo Edital Elisabete Anderle, que conta com apoio do Governo do Estado de Santa Catarina, por meio da Fundação Catarinense de Cultura com recursos do Prêmio Elisabete Anderle de Apoio à Cultura/Artes, edição 2020. Acompanhe pelo www.instagram.com/perfor.mae.ser   

SERVIÇO
Encontro online SOMA, do projeto Perfor.mãe.ser + lançamento de vídeo-arte + roda de conversa
Dias 16 e 18 de junho, às 20h
Pelo Zoom, com inscrição antecipada e gratuita pelo formulário https://forms.gle/C1jHXfp7dMBnXFjX9 (apenas 50 vagas). Logo após a apresentação haverá roda de conversa sobre o processo criativo da pesquisa
Ação voltadas às mulheres
Classificação etária: acima de 14 anos.

FICHA TÉCNICA

Participantes: Joanna Oliari Macoppi, Thuani Stolf, Clarice Steil Siewert, Fatima Deretti, Gabriela Dominguez, Camila Pimenta, Barbara Biscaro, Sabrina de Moura, Sabrina Marthendal, Karla Rodrigues dos Reis
Edição de vídeo-arte: Jonathan Ricardo Pellense.