Plataforma Movimento SC pela Educação é tema de reunião no Vale do Itajaí

Spread the love

Totalmente online e gratuita a plataforma conta com mais de 5 mil vagas de emprego cadastradas. O movimento tem como foco a recolocação de profissionais para aumentar a empregabilidade no Estado.

Ocorreu na última terça-feira (08) a 3ª reunião da Câmara Regional Movimento Santa Catarina pela Educação do Vale do Itajaí. Na pauta, foram apresentados status das atividades realizadas do Plano de Ação para a plataforma, próximas etapas a serem realizadas ainda neste ano, bem como os índices e resultados da plataforma obtidos até o final do mês de agosto, da região e do estado. Na ocasião também foram destacadas possibilidades de melhorias do movimento que reflitam na geração de emprego e capacitação técnica da população em Santa Catarina.

O vice-presidente da Fiesc Vale do Itajaí, Ulrich Kuhn, comentou sobre a importância do movimento, destacando que a Educação é um tema de grande relevância e de prioridade, pois a educação é o futuro e a união de esforços que precisa ser feita para obter resultados efetivos.

A organização do Movimento SC pela Educação destacou a importância de ter a parceria com a prefeitura de cada cidade. “Com essa parceria é possível capacitar os profissionais de acordo com a demanda de cada região. Os cursos são 100% online e gratuitos, não gerando custos às prefeituras”. “Na plataforma buscamos desenvolver um caminho vocacional, como trilhas de qualificação conforme a necessidade do mercado de trabalho. Além disso, está no radar implantar cursos de qualificação aos profissionais que estão na ativa, relacionados à matemática, português, comunicação e transformação digital”, informou Sandro Volpato Faria, assessor de responsabilidade social da FIESC, SESI/ SENAI/ IEL de Santa Catarina.

Para 2022, o foco será no ensino profissionalizante tendo como pilares o trabalhador do futuro; representatividade, relação com as entidades e imprensa; competências requeridas para as demandas atuais e futuras.  A proposta é pensar em ações preventivas com o intuito de minimizar a lacuna de qualificação profissional que ora se apresenta.

Dados da plataforma Movimento SC pela Educação

Lançada no final de janeiro de 2021, a plataforma do Movimento SC pela Educação é uma iniciativa da Federação das Indústrias (FIESC), Comércio e Serviços (Fecomércio), Agricultura (FAESC) e Transportes (Fetrancesc), com parceria da ACATE, SEBRAE/SC, Instituto Ayrton Senna, Centro de Inovação da Educação Brasileira, Junior Achievement, Undime/SC, Sistema Ailos, dentre outros.  

Dados apresentados na reunião mostraram que em oito meses, a plataforma registrou mais de 381 mil visualizações, com mais de 5 mil vagas de emprego cadastradas, destas, mais de 2.600 estão ativas em todo o Estado. A plataforma também conta com mais de 625 empresas cadastradas e cerca de 3.700 currículos à disposição.  

Hoje a plataforma dispõe de 5.585 vagas de emprego, dessas, 591 são na região do Vale do Itajaí. Além disso, das 625 empresas cadastradas no estado, 75 são do Vale do Itajaí, bem como dos 3778 currículos, sendo 258 do Vale do Itajaí.

A plataforma também coloca à disposição da população mais de 70 cursos de capacitação nas áreas de competências socioemocionais, empreendedorismo, finanças pessoais, inglês, matemática, mundo digital, português, tecnologia da informação e comunicação.

O Movimento SC pela Educação tem como foco a recolocação de profissionais qualificados no mercado de trabalho e está vinculada ao programa Travessia, que orienta a reinvenção da economia para transformar SC em referência em desenvolvimento sustentável.

TEXTO – ISABELLA PINHEIRO PRESSE COMUNICAÇÃO