Museus de Brusque recebem recursos para manutenção

Termo de Fomento foi assinado nesta quinta-feira (22), no gabinete do prefeito Ari Vequi

A Prefeitura de Brusque, por meio da Fundação Cultural, assinou nesta quinta-feira (22) um Termo de Fomento com os três museus da Cidade: Instituto Aldo Krieger, Casa de Brusque e Museu de Azambuja. O documento prevê o repasse de nove parcelas, no valor de R$ 5 mil, para cada instituição.

“É um momento de alegria continuar ajudando os museus da nossa cidade, por meio de convênio para cada dia mais melhorar e preservar essas entidades, que hoje nos ajudam na questão da nossa cultura. O objetivo é realmente incentivar, embora estejamos em um momento de pandemia, onde o acesso aos museus fica um pouco prejudicado”, disse o prefeito Ari Vequi.

Para a diretora-geral da Fundação Cultural de Brusque, Zane Marcos, os museus têm sofrido os impactos da pandemia, no sentido de estarem com as portas fechadas, por isso a necessidade de recursos.

“Existe a necessidade de manutenção dessas casas e esse convênio dos museus com a Fundação é um recurso do Fundo Municipal de Apoio a Cultura. É um auxílio que sabemos vai auxiliar bastante no funcionamento dos museus, porque pode ser usado para manutenção e melhoria das casas museais”, pontua.

De acordo com a diretora artístico administrativa do Instituto Aldo Krieger, Izabel Krieger Moritz, o recurso é importante para organizar a casa museal e fazer a manutenção de toda a parte do acervo, tanto instrumental quanto fotográfica. “Desta forma conseguimos organizar o Instituto Aldo Krieger para receber a população para visita. Por enquanto, só estamos atendendo por agendamento”, conta.

Os diretores do Museu de Azambuja, Padre Francisco de Assis Wloch e Padre José Henrique Gazaniga também ressaltam a importância do recurso. “O museu faz parte da história de Brusque e devido a falta de recurso estava fechado, porque tivemos que fazer algumas reformas no telhado e nos falta também verba para manter o museu aberto com funcionários. Então, já estamos desde o ano passado conversando com a prefeitura e com a Fundação Cultural para abrirmos o museu”, explicam.

No Museu Casa de Brusque, o recurso também é fundamental para a manutenção. É o que explica o presidente da entidade, Ricardo José Scharf. “É através desse recurso que a gente consegue dar continuidade a todas as atividades que o museu faz. Estamos em reforma com um projeto pela Lei de Incentivo à Cultura, por isso estamos fechados. Somente às segundas-feiras o museu está aberto e a partir de junho ele abre normalmente de segunda a sexta”, explica.

Áudios não editados com o prefeito, a diretora de Cultura e os representantes dos museus – SECOM BRUSQUE – THAYSE HELENA

Deixe uma resposta