Identificadas professora e auxiliar mortas em ataque no Oeste de SC

Além das profissionais, outras três crianças perderam a vida

Foram identificadas a professora Keli Adriane Aniecevski, 30 anos, e auxiliar Mirla Renner, de 20 anos, mortas em ataque a creche, na manhã desta terça-feira (4), em Saudades. As duas são naturais da cidade e estão entre as cinco vítimas da tragédia.

Já as três crianças mortas pelo jovem de 18 anos tinham menos de dois anos de idade. São duas meninas e um menino. Uma quarta criança foi encaminhada ao hospital com ferimentos leves e, segundo o delegado Jerônimo Ferreira, não corre risco de morte.

O suspeito de cometer o crime, Fabiano Kipper Mai, foi transferido para encaminhado ao Hospital de Pinhalzinho, em estado grave, e está intubado. De acordo com informações do delegado, após o ataque ele golpeou a si mesmo no pescoço, tórax e abdômen.

JORNAL METAS

Deixe uma resposta