Homem que matou a filha e tentou suicídio, recebe alta hospitalar e é levado para delegacia

Claudinei Tizon (42 anos) é o autor da tragédia que abalou o município de Rodeio no início da noite de segunda-feira (13).

Após não aceitar o término do relacionamento, ele foi até a casa do ex sogro e lá cometeu o crime. Armado com faca e com um rifle calibre .22, ele chegou na casa localizada em Rio Belo, Rodeio 32 efetuou disparos com arma de fogo e em seguida esfaqueou a todos os que estavam na casa. A vítima fatal foi sua filha Géssica Dias Tizon de 20 anos a ex companheira (39 anos), a ex-sogra (56 anos), o ex-sogro (61 anos) e o ex-cunhado (34 anos) também foram esfaqueados.
Após cometer a barbárie, Claudinei fugiu do local buscando refúgio em sua residência que fica a aproximadamente 50 metros do local dos fatos. A guarnição realizou buscas e ao entrar na residência, foi verificado diversas manchas de sangue no chão da cozinha. Em ato contínuo a guarnição verificou um rastro de sangue que levava para um mato aos fundos da residência, sendo que após realizar buscas naquele local, o criminoso foi localizado caído em um córrego, com diversos cortes nos pulsos, pés e uma perfuração no abdômen.
A polícia informou que a ex esposa de Claudinei recebeu uma medida protetiva de violência doméstica contra ele. Horas antes do crime acontecer, os policiais acompanharam a mulher até a casa deles, para ela buscar os pertences. Claudinei não estava em casa.

Fonte – PMSC/ CBVU/ PC / CULTURA FM

Deixe uma resposta