Água do SAMAE Timbó atende a todos os parâmetros de qualidade

Spread the love

Análises feitas pelo Laboratório Central de Saúde Pública (LACEN) do Governo do Estado de Santa Catarina, através da Secretaria de Saúde do Estado, comprovam que a água potável oferecida pelo SAMAE Timbó atende a todos os parâmetros de qualidade.

Análises feitas pelo Laboratório Central de Saúde Pública (LACEN) do Governo do Estado de Santa Catarina, através da Secretaria de Saúde do Estado, comprovam que a água potável oferecida pelo SAMAE Timbó atende a todos os parâmetros de qualidade. As coletas realizadas na Estação de Tratamento de Água (ETA) do SAMAE são referentes às análises de agrotóxicos e outros elementos químicos. “Se trata de um trabalho realizado por um órgão estadual que tem como única finalidade averiguar a qualidade da água que é fornecida à população. Aqui no SAMAE também fazemos nosso monitoramento para garantir que sempre estejamos dentro dos parâmetros e esse resultado de agora reforça nosso comprometimento com a saúde dos timboenses”, afirma o presidente do SAMAE Timbó, Waldir Girardi. O diretor de Operações do SAMAE Timbó, Diego Zatelli, diz que essa análise do LACEN acontece a cada seis meses, mas no SAMAE o controle é diário e ininterrupto. “O SAMAE também realiza o monitoramento e controle dos agentes inorgânicos (metais), orgânicos (solventes), agrotóxicos e radioatividade com o apoio de especialistas de um laboratório terceirizado, contratado através de processo licitatório”, analisa.
Na ETA a verificação do cloro, turbidez, PH, flúor e cor ocorre de forma automatizada em tempo integral e a cada duas horas é realizada a conferência pela equipe técnica de operação, gerando relatórios detalhados das análises por mês.

Programa Nacional de Vigilância da Qualidade da Água para Consumo Humano

A Prefeitura de Timbó participa do Programa Nacional de Vigilância da Qualidade da Água para Consumo Humano (VIGIAGUA), que tem como escopo ações de prevenção dos agravos transmitidos pela água e de promoção da saúde, previstas no Sistema Único de Saúde (SUS).Estas ações são desenvolvidas pelas Secretarias de Saúde Municipais, responsáveis por realizar as coletas de água nos pontos onde há consumo humano, Secretarias de Saúde Estaduais, responsáveis por analisar a água por meio dos Laboratórios Centrais de Saúde Pública e monitorar os resultados no sistema de informação SISAGUA (Sistema de Informação da Qualidade da Água para Consumo Humano) e pelo Ministério da Saúde responsável pela Coordenação Geral de Vigilância em Saúde Ambiental. Além disso, as Vigilâncias Municipais são responsáveis por alimentar no SISAGUA e monitorar os dados referentes ao controle de qualidade da água, analisados por laboratórios contratados pelo Prestador de Serviço de Abastecimento de Água. (Fonte: Governo do Estado de Santa Catarina).

Assessora: Aline Brehmer/ Samae Timbó
Arte: Samae Timbó